Domingo, 13 de Janeiro de 2008

Só eu te posso ajudar... (provavelmente não...)

  

Olha para mim, diz-me quem tu és

Olha bem pra mim, diz-me quem tu vês

Em mim acendes o desejo que deixei pra lá do mar

 

Só eu te posso ajudar

Só eu te posso ajudar, a atingir esse bem-estar que vem no fim

 

Diz-me se é amor

Fala-me de ti, eu quero o teu sabor

Em mim ficou esse teu beijo

Que me deste ao pé do mar

 

Só eu te posso ajudar

Só eu te posso ajudar, a descobrir esse lugar pra lá do fim

E dizer: "meu amor, meu amor, que bom que é pra mim

meu amor, meu amor, que bom que é no fim"

 

Hummm, porque hoje ouvi isto ao vivo… porque hoje isto me arrepiou a alma e me fez querer esse lugar “pra lá do fim”…porque me fez lembrar que há mares interiores que nos separam de quem queremos amarrar a nós, sem amarras que prendam pássaros que não pousam no nosso parapeito… A música é linda, não é? Cada palavrinha, cada, me fez lembrar que há pássaros que voam pela minha janela, mas que não podem pousar no meu parapeito…

música: Só eu te posso ajudar - Delfins
publicado por MB às 00:44
link do post | explanare | favorito
6 comentários:
De nicas a 15 de Janeiro de 2008 às 18:05
pronto e mais uma acontecimento que se dá quando eu estou no fim do mundo!!!
o filme para o qual foi feita esta musica, também é muito bom!

beijinhos e juízo
De Laú a 15 de Janeiro de 2008 às 19:13
Bem... a musica é linda mesmo!
E tu mais que niguém mereces toda a felicidade do mundo e merces chegar a esse lugar que parece tão distante e se chama felicidade.
TE adoro!
De ______ a 16 de Janeiro de 2008 às 10:28
Essa música fez-me bastante sentido na tua idade, tem piada. Agora já não aprecio Delfins, mas ainda gosto bastante da música deles "Sou como um rio". É


Beijos.
De ______ a 17 de Janeiro de 2008 às 22:16
Comentário Standard:

- Desafio porque me apetece -

Escolher uma das suas canções preferidas e falar sobre ela seja em poesia ou prosa ou mesmo numa breve apreciação do que essa música lhe transmite, pois até pode ser do século passado porque há que prantar a letra no post.

Como eu até nem costumo lançar desafios, nem sou apologista de… porque cortam a liberdade ao autor do blog, impondo-lhe uma ideia, já sabe pode sempre não estar nem aí e marimbar-se, literalmente, para isto que com certeza o céu não lhe vai cair na cabeça… já algum objecto…nunca se sabe!! Ah pois… e também não ganha nenhum prémio… azarito!

Cumps.
De Raquel a 19 de Janeiro de 2008 às 03:03
muito linda a musica mesmo!! :) depois destes tempos dificeis, em que te mostraste muito forte, conseguiste lidar com coisa que eu acho que nao suportaria, mereces ser feliz, mesmo mto feliz!
bjs
De os fofos a 22 de Janeiro de 2008 às 10:06
Eu estive contigo Marta e com a Lelinha claro, quem está no fim do mundo não tem destes concertos íntimos como eles lhes chamam, gostei do concerto por várias razões primeiro por ser acústico, segundo por não ter sido só músicas do Miguel Ângelo, mas sim músicas conhecidas dos nossos ouvidos de intérpretes também conhecidos tipo Nick Cave ou Peter Gabriel entre outros , em terceiro agora para o gozo longe de mim tal tendência para comentar moda nem jeito para tal, mas como vós no concerto falastes muito das écharpes ", vou vos falar um bocado delas, porque tanto o Miguel Ângelo como o teclista foram falados pelas suas écharpes ", ou seja, Como usar lenços e écharpes
Os lenços e écharpes estão de volta, são óptimos complementos de moda, realçando uma blusa, um vestido ou sweat . Esta estação, usam-se em tecidos desde a seda ao chifon , em estampados geométricos, arabescos e motivos selvagens. Há sempre um modelo que combina com o seu vestuário, em estilo e cor.
Os lenços querem-se médios, para poderem ficar sobre o justo no pescoço e as écharpes compridas e direitas para poder criar laços e nós fantasia.
Mas é dúvida recorrente como usá-los e como atar, aqui vou dar-lhe algumas dicas sobre estes complementos.

Use lenços e écharpes lisos com vestuário de riscas e estampados e o contrário – estampados com vestuário liso, pode coordenar as cores com a peça de roupa que tiver a cor mais forte ou se ocupa maior área, use lenços com camisas de colarinhos em bico, de gola oficial e sem colarinho ou com sweats de decote em V.
As écharpes , como são mais compridas, usam-se colocadas sobre o pescoço e simplesmente caídas, com golas altas e com colarinhos, atadas de várias formas em decotes largos e abertos, de forma a darem a sensação de plastron , cachecol ou gravata. Combinam muito bem com coletes, camisas masculinas e camisolas tricotadas em malha ou pullovers justos, mas pode coordená-los consoante o seu estilo e personalidade.
Mais dicas num próximo post .
Beijinhos Marta

Comentar post

recentes scripta

Sibila est

Hipotermia (II)

Quarto de Pandora

António

Quiet Nights of Quiet Sta...

Catarse

RP sem Croquetes!

Por una Cabeza

Imortal

porta

Monólogos de Valium

Tardes de Saudade e um Ge...

...

Moinhos de Vento

Bilhete para o fim do dia

designed by Rui Barbosa